PROCESSO DE SELEÇÃO

A PMVA realizou processo de seleção pública para o preenchimento de 211 vagas de trabalho temporárias. Foram 1699 os inscritos para concorrer as vagas para diversos cargos. Após a aplicação das provas o que se viu foi um número alarmante de reclamações, de todos os tipo, desde provas que não estavam lacradas quando foram entregues, falta de listagem de presença bem como falta de identificação dos candidatos quando do comparecimento aos locais de prova.

Mas o que mais chamou a atenção foi a falta de clareza quanto as formas de avaliação. Alguns cargos previam que a seleção se daria através de uma entrevista (antes a prefeitura queria que a avaliação de todos os cargos fosse dessa forma) a qual o candidato deveria se submeter, no entanto, não esclarece quais os critérios para pontuação dos itens abordados. Tantos pontos obscuros comprometem a lisura do processo que perde em credibiliadade.