Pura mentira de mau gosto

O prefeito Zé Hélder promoveu um evento para fazer o que mais gosta: se elogiar e ser adulado. Dessa vez, exclusivamente, por pessoas a quem ele agradou com empregos.

Se o evento era para fazer o balanço da gestão, passou por longe.

Chegou a anunciar futuras verbas para obras de pavimentação e estradas.

Obras mais que suspeitas.

É de se perguntar: qual a prioridade para Várzea Alegre hoje? Obras?

Perguntamos: quais medidas foram anunciadas pelo prefeito hoje, na escola Pedro Sátiro, sobre os seguintes problemas, estes sim, as verdadeiras prioridades para o nosso povo?

  1. – Para a violência que está tragando nossa juventude e assombrando nossas famílias com assaltos e arrombamentos diariamente?
  2. – Para a dengue, que a cada dia ceifa um ente querido nosso?
  3. – Ainda sobre a dengue, já que não se desenvolve políticas de prevenção, o que fazer para melhorar o tratamento, eis que o hospital encontra-se super lotado?
  4. – Cadê a transparência sobre a quantidade de pessoas infectadas? Onde estão as buscas ativas nas residências?
  5. – Cadê a transparência sobre os mais de 130 mil reais contabilizados todo mês com limpeza pública, enquanto a cidade encontra-se às escuras?
  6. – Como anda a relação do prefeito com os servidores, sobre suas pautas e compromissos assumidos em campanha?
  7. – O que foi feito até o presente momento para que a grave situação do matadouro fosse resolvida, pois o prefeito prometeu solucionar com a mais absoluta agilidade?

O evento de hoje traduziu-se em fanfarronice, espetáculo de adulação e auto-elogio e mera peça de marketing de puro mau gosto e o pior, um acinte à inteligência e boa vontade das pessoas que não querem, não desejam que o dinheiro do município seja utilizado para autopromoção e discursos vazios, mentirosos, despropositados e fora da realidade.

Várzea Alegre possui problemas, o povo quer respostas, não festas vazias como essa realizada hoje.

Acorda Várzea Alegre!